Enem: problemas no 1º dia de inscrição

Enem: problemas no 1º dia de inscrição

Somente na primeira hora, mais de 72 mil alunos se inscreveram para a edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, de acordo com o Ministério da Educação. No Recife, uma escola pública organizou um esquema para incentivar os estudantes a realizar a inscrição com antecedência para evitar transtornos, mas alguns alunos relataram problemas no sistema. A estudante do 3º ano do Ensino Médio, Carollayne Barbosa, 17 anos, reclamou da lentidão no site. “Estou querendo fazer a inscrição hoje (ontem) para evitar problemas nos últimos dias. Mas está bastante lento e depois que eu estava quase no fim da inscrição o site caiu. Tive que recomeçar do zero.”

Diretora da Escola Sizenando Silveira, no bairro de Santo Amaro, Márcia Nogueira reafirma a importância da inscrição ser feita com antecedência. “Os alunos devem se inscrever o quanto antes. Sabemos que todos os anos, muitos alunos deixam para última hora e isso causa lentidão no site nos últimos dias. É melhor garantir logo”, sugeriu. Para ela, quem faz o exame por experiência tem mais facilidade quando vão fazer a prova no 3º ano. “Tudo o que é imprevisível é mais preocupante. O Enem é uma prova que a maioria dos estudantes do Brasil precisam fazer para entrar na faculdade, então o conhecimento da estrutura da prova diminui a insegurança e o nervosismo.”

De acordo com a assessoria de imprensa do Instituto Nacional De Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela organização da prova, o sistema não apresenta lentidão e alguns problemas na inscrição dos alunos já estão sendo solucionados. Em caso de dúvidas, os alunos devem ligar para o telefone 0800 616161.

Abertas na manhã de ontem, as inscrições seguem até as 23h59 do dia 20 deste mês. Os alunos que não obtiverem isenção deverão pagar R$ 68 de taxa de inscrição até o dia 25.
Os alunos deficientes que necessitarem de atendimento especial deverão indicar essa solicitação durante o ato de inscrição, já para travestis e transexuais que querem ser identificados por seus nomes sociais deverão enviar a solicitação entre os dias 1 e 8 de junho pelo sistema, para a Página do Estudante.

Folha-PE